terça-feira, 5 de fevereiro de 2013

as minhas amigas!!!


As minhas amigas são muito queridas, muito engraçadas e cada uma tem uma característica muito especial.

Ora,

  Se uma é completamente louca, só diz disparates, não sabe falar português correctamente mas me proporciona dias muito engraçados, descontraídos, onde o riso não acaba e, de dia à noite, há espaço para telefonemas onde nada dizemos e não conseguimos parar de rir, (diz que nasceu em Bagdad. Se é verdade ou não, não me perguntem. O que é certo é que ela não pertence a este mundo, de certeza!!)  outra é mais calma. É muito madura, muito responsável, cheia de estilaço e ajuda-me tanto tanto tanto. Dizem por aí que vai casar este ano e que até vou ser madrinha. Que orgulho! Com ela tenho conversas muito profundas, faz-me pensar em muitas coisas boas e ajuda-me a melhorar as más.

 Há ainda outra que é, desde o segundo ano, a minha melhor amiga. Nem sempre estamos juntas mas vamos falando e, com ela, consigo fazer tudo: compras, anedotas, recordar velhos tempos, reportagens fotográficas, conversas interessantes. É gira gira gira e é das melhores companhias que alguém pode ter neste mundo. 

  Tenho também a minha amigaça do colégio, a minha querida amiga dos olhos verdes com quem tenho estado muitas vezes, graças ao meu querido namorado. Tem uma personalidade muito forte, dizem que ela é "manteiga" mas, aqui entre nós, de manteiga não tem nada. Conhecemo-nos no quinto ano e temos vindo a ficar cada vez mais próximas. Rimo-nos, discutimos, por vezes discordamos, mas, na maioria das vezes, temos a mesma opinião e ajuda-me em questões muito práticas.

Uma outra é minha prima direita. Gostamos muito uma da outra. Estamos muito poucas vezes juntas, é verdade, mas, quando estamos, sabemos tudo o que se passa na vida da outra e temos conversas muito boas. Sempre que podemos combinamos qualquer coisa. Temos vídeos e fotografias de quando éramos pequeninas e, volta e meia, sentamo-nos a ver e as gargalhadas não acabam.

E a estilosa da minha amiga que trabalha na vodafone? Tem uma irmã que, fisicamente, é igual a ela. Mas são muito diferentes uma da outra, para ser franca. Esta é também muito gira, tem um estilo fantástico, arrisca imenso e tudo lhe fica bem. É, provavelmente, das amigas com quem gostaria de estar mais vezes. Se pudesse almoçava com ela todos os dias e tenho a certeza que não me fartaria. Muito de vez em quando vemo-nos e eu cresço tanto com ela, ensina-me muitas coisas boas.Quando for velhinha, todas as crianças vão querer visitá-la para com ela aprenderem as coisas boas que esta vida tem. É espectacular, mesmo!!!

 E a pastorinha? Parece a Jacinta. É uma miúda tão boa que nem sabe o valor que tem. Não sabe, de certeza. É uma companhia muito agradável. Estamos a começar uma boa amizade e tenho a certeza que será duradoura. 

Há outras duas que agora estão sempre juntas, a tentar fazer-me ciumes. Uma é minha amiga do infantário. A outra é amiga de há uns 4 anos. Uma é toda estilosa, cheia de pinta, gosta muito de ir às compras. A outra é mais reservada, muito estudiosa e cumpridora dos seus encargos. São tão diferentes... mas formamos uma boa amizade. Esta sexta-feira vamos as três almoçar...

Há outras duas que vivem no Porto. Uma é excêntrica (no bom sentido). Parece que tem uma juba de leão na cabeça que lhe dá tanta graça. É uma miúda muito gira que faz furor entre os seus alunos. Costumo dizer-lhe muitas vezes que tenho um feitio tão chato que não consigo estar vários dias seguidos com a mesma pessoa que começo logo a ficar aborrecida e que, com ela, isso não acontece. É como se fosse minha irmã. Sinto-me muito próxima dela. É uma amizade com muita maturidade. Antigamente, em adolescentes, falávamos de cinco em cinco minutos por mensagens e telefonemas. Hoje em dia falamos uma vez por mês, mais ou menos, mas é como se falassemos a toda a hora e momento. A outra tem mesmo estilo de tripeira. Há quem diga que é "um furacão que leva tudo atrás". Não a queiram ver chateada... ui! Refila e nunca mais se cala. E eu a ver...rio-me. Formámos uma amizade giríssima. Agora é muito responsável, trabalha muito muito muito. Como eu gostava de ter estas duas em Lisboa...!!!

Não me esqueço daquela boa amiga que é mais velha que eu (e que se irrita por eu referir isso vezes sem conta) e que tem um nome tão característico que se habilita a ganhar uma alcunha nova todos os dias. É tão presente que basta uma mensagem ou um telefonema "Venha jantar comigo" que cinco minutos depois aparece. Rimo-nos tanto juntas e é tão boa, tão sábia. Nunca se queixa e está sempre a rir! É uma boa irmã mais velha!

Por fim, falo-vos da minha amiga da licenciatura. Divergimos em coisas essenciais como a religião. Mas encontramo-nos sistematicamente. Eu troquei de faculdade mas (coincidência ou não) ela arranjou trabalho na rua da minha nova faculdade. Vamos tomando café todas as semanas. Quando uma está em baixo, a outra ajuda-a e vice-versa. Nunca estamos tristes ao mesmo tempo!! eheheh!

Falta-me falar de muitas amigas. Muitas mesmo porque tenho a sorte de ter tantas boas amigas. Há quem diga que temos muitas pessoas conhecidas mas que verdadeiras amigas são só quatro ou cinco. MENTIRA!   Tenho MUITO boas amigas e consigo manter uma ÓPTIMA amizade com cada uma delas. E, por isso mesmo, não me cabem todas neste post. Mas vou escrever sobre todinhas, muito brevemente. Vão aparecendo aos poucos. =) Não me esqueci de nenhuma, apesar de não me ter referido a todas.

E pronto, assim tão elas. Todas diferentes e todas muito especiais. Se pudesse estava todos os dias com todas. Um minuto de cada dia dedicado a cada uma. Mas é humanamente impossível. E, por isso, vou tendo dias muito diferentes. Uns dias mais agitados porque uma gosta de andar de um lado para o outro, outros dias mais calmos porque aquela gosta de ver um bom filme no sofá... Uns dias com mais gargalhadas, outros com conversas mais profundas. Assim é o meu dia-a-dia. Assim são as minhas amigas. E eu não as trocaria por nada deste mundo!!


5 comentários:

Anónimo disse...

Oh Rosarinho, meu bem <3
Divergimos na religião, mas temos Deus como base em comum. Quem conhece Deus conhece o conceito de amor e de respeito! Como não nos haveríamos de encontrar?
:) Sou mais feliz não desde que te conheci, não desde que percebi a excelente pessoa que és, mas desde que notei que os nossos caminhos se tinham cruzado e que tinha nascido uma amizade com excelentes bases.
Só num coração como o teu podem caber tantas amigas!
SD

Ni disse...

Eu tenho uma amiga de sempre e para sempre, no meu coração, a minha princesa que me ajuda tanto a crescer e a ser uma pessoa melhor! Obrigada por este texto, adorei estar incluida e percebi logo qual era. Todas nós temos muita sorte por termos esta amiga em comum.... Obrigada ROSA!

TeresaHU disse...

Querida Rosa, e se eu te dissesse que hoje de manhã, a caminho do escritório, pensei em escrever no blog um texto sobre "as minhas madrinhas"?? A quantidade de coisas para fazer e preparar ainda não o permitiram, mas vê-se que estamos em sintonia!! Gostei muito de estar integrada neste texto, e de ver que me consideras tão boa amiga quanto eu a ti! um beijo grande minha querida!

Joana Nestor disse...

Juba de leão? (e é mt agradável...ahah)

Tu só podes estar a querer arranjar confusões e estragar a tua vida com essa "JUBA DE LEÃO"?

Achas tu que somos amigas...coitadinha...eu é que, por compaixão, ainda não tive coragem para te dizer que não me identifico minimamente contigo...mas pronto...cá nos vamos aguentando...nunca pior!

Colegas...ok? Colegas!

Roesy obrigada por fazer parte deste texto e dessa tua vids...:)É grande a amizade que tenho. Como dizes, como irmãs!

Um grande beijinho!



Rosarinho MB disse...

Querida Teresa,

Ainda vais a tempo de escrever sobre as madrinhas!!!