segunda-feira, 25 de março de 2013

Uma viagem para Roma, se faz favor

Saí às 7h25. O caminho de casa até ao metro são quatro minutos que, bem contados, dão para pensar em muita coisa. Na minha mão, o guarda-chuva, mas nesse dia estava sol; nos meus olhos, as olheiras de sempre devidamente camufladas; na minha cabeça, as notícias que acabara de ouvir na rádio: a greve do metro tinha sido desconvocada – boa!, já não ia demorar três horas e meia a chegar ao meu destino - a greve da TAP também foi cancelada – boa!, as minhas amigas que, em breve, partiriam para Roma para passar a Semana Santa, também não iriam demorar três dias e meio a lá chegar. E iam ver o Papa Francisco! Que sorte, o Papa Francisco… a amizade é “ um mútuo guardar-se na intimidade, no respeito e no bem”… como não guardar todas as suas palavras! E que sorte puder ouvi-las de perto! Por mim, também ia com elas, mas duvido que o meu passe desse para chegar até lá.

Às 7h29 entro na estação. Quando passo pelas máquinas dos bilhetes sou interpelada por alguém:
- Psssttt, menina. Podia ajudar-me a comprar uma viagem para Roma, se faz favor?
E eu? Nada. Apenas silêncio e perplexidade como quem pensa “minha senhora, isso também eu queria, mas a máquina infelizmente não o permite. Resta-nos mandar lá o coração enquanto ouvimos o Papa pela televisão”.
- … Roma-Areeiro, menina!
Lá lhe comprei o bilhete.
Às 7h35 sentei-me no comboio. A senhora do bilhete estava à minha frente. Sorrimos. Quanto a ela não sei, mas quanto a mim… o que me fez sorrir não foi a coincidência dos lugares, nem tampouco os absurdos devaneios da minha imaginação. Foi ter a grande sorte de saber que, quando queremos, todos os caminhos vão dar a Roma.
 
 
 
 
 

6 comentários:

Rosarinho MB disse...

OH KIKA!!! ainda bem que pertences a este blogue!!!!
as tuas histórias são tão giras... vais dar uma boa avó!
beijinho

Maria disse...

DELICIOSO!!!! Vamos para Roma juntas? Já? Já? Já mesmo?

Kika disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Kika disse...

Rosarinho, só tu para, a esta altura do campeonato, me imaginares avó!

Maria, não é tarde nem é cedo, já lá estamos!! :D

Um beijinho!!

Ana Sá disse...

Que maravilhosas as novas tecnologias que me permitem continuar a ter o prazer de ler o que escreves,Frederica. Beijinho.
Ana Sá

Kika disse...

Querida Professora!!!!
Que alegria tão grande sabê-la por aqui!! E que grande responsbilidade a minha! A responsabilidade de não defraudar quem me ensinou, com o seu exemplo e sabedoria, o poder que tem a palavra bem dita.
Comove-se encontrá-la aqui.. Um beijinho muito amigo! Frederica